Pular para o conteúdo principal

AQUI TEM SCHIOPPA DE VERDADE!

www.casadosrodizios.com.brNós da Casa Dos Rodízios,temos o orgulho de sermos Schioppa,líder na América Latina a Schioppa possui a mais completa linha de Rodas e Rodízios para todo tipo de segmento,industriais,hospilalares,hoteleiros,condomínios,aeroportos entre outros...
Somos especializados e treinados pela Fábrica a indicar o produto ideal para resolvermos os eventuais problemas que você,cliente,possa ter na movimentação de materiais,seja em sua industria,loja,condomínio e até mesmo em sua residência.Nossa equipe está atenta a cada detalhe para que você,nosso cliente,fique feliz e satisfeito com nossas soluções.Não deixe de nos consultar pois estamos esperando você para darmos a garantia de nossos produtos e atendê-lo de uma maneira diferenciada. Consulte pelo site www.casadosrodizios.com.br ou fone 11 32271010,estamos esperando,forte abraço,equipe Casa Dos Rodizios!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CHEGARAM AS PALETEIRAS !

As Paleteiras que recebemos hoje, estamos fazendo preços especiais, consulte um de nossos vendedores

RODÍZIOS PESADOS

SOLUÇÕES  PARA MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS PESADAS, NESSE VÍDEO, DESENVOLVEMOS JUNTO AO CLIENTE A SOLUÇÃO PARA O TRANSPORTE INTERNO NOS HANGARES DE AVIÕES DE PEQUENO PORTE!

O CLIENTE NUNCA MAIS VOLTA!

www.casadosrodizios.com.br Acreditem, o cliente nunca mais volta!
Anos atrás, Sam Walton, fundador da maior rede de varejo do mundo, a Wal-Mart, abriu um programa de treinamento para seus funcionários, com muita sabedoria. Quando todos esperavam uma palestra sobre vendas e atendimento, ele iniciou com as seguintes palavras: 
"Eu sou o homem que vai a um restaurante, senta-se à mesa e espera pacientemente, enquanto o garçom faz tudo, menos anotar meu pedido.
Eu sou o homem que vai a uma loja e espera calado, enquanto os vendedores terminam suas conversas particulares. 
Eu sou o homem que entra num posto de gasolina e nunca usa a buzina, mas espera pacientemente que o empregado termine a leitura do seu jornal.
Eu sou o homem que explica sua desesperada urgência por uma peça, mas não reclama que a recebe somente após três semanas de espera. 
Eu sou o homem que, quando entra num estabelecimento comercial, parece estar pedindo um favor, implorando por um sorriso ou esperando apenas ser notad…